Lançamento do CD “Eu sou velha, mas eu sou babado”. Cimara lançará novo CD no próximo dia 11, na Lapa

Rainha da Lapa

“Eu sou velha, mas eu sou babado” é o título do novo trabalho da cantora Cimara, conhecida carinhosamente como a Rainha da Lapa. Com uma carreira marcada por grandes sucessos gravados em seus dois primeiros CDs, essa niteroiense retada realizará no próximo dia 11 de agosto, a partir das 19 horas, no Clube dos Democráticos, na Rua do Riachuelo, 91, Lapa, o show de lançamento de seu novo CD com a gravação do primeiro DVD ao vivo. Na ocasião, Cimara receberá seus convidados: Paulinha, Andinho (Voz Ativa), Darcy Maravilha, Zeca do Trombone, Monigirl, Rick de Paula, Renato Rena e Banda Status. A produção musical ficará por conta de Hudson Bebê e, a produção geral, de Rodrigo Rosado.

Veja também: É sábado! Inscrições de ala de comunidade na quadra da Estácio de Sá 

 

 

Com um timbre de voz semelhante ao da cantora Alcione, a Rainha da Lapa se destaca por apresentar em seu repertório sambas românticos e partido alto. Segundo a própria cantora, a sambista Alcione sempre foi sua fonte de inspiração, além de diva.

Cimara, de família pernambucana, casou jovem para poder cantar, pois descobriu que a música era a sua fonte de inspiração. Ela cantou no programa “A Grande Chance”, de Flávio Cavalcanti, e chegou a ser finalista do concurso do velho guerreiro Chacrinha, com a música “Madalena”. Além disso, a cantora viajou pela América Latina cantando o Brasil e as suas maravilhas; gravou no “Escrete do Samba”, volume quatro, a “Festança”; gravou compacto duplo intitulado “Pintando o Sete”; e trabalhou no Cassino Royale, no Hotel Intercontinental.

Dê uma olhadinha: Renascer de Jacarepaguá promove a primeira musa Egili Oliveira, a Madrinha

 

 

Compositora da música “Dona Maria dos babados” gravado por ela e regravado pelas cantoras Dorina e Renata Jambeiro, em Brasília, essa canção tem parceria de Darcy Maravilha, da Portela. Amante do samba, ela torce pelo Acadêmicos do Salgueiro, escola vermelho e branco, as cores da sua bandeira que pulsa em seu coração.

Aos 73 anos, a cantora gravará seu primeiro DVD “Eu sou velha, mas eu sou babado”, em seu terceiro CD produzido por Rodrigo Rosado.

Vale a pena ver de novo: Com 2 milhões de acessos, Misael acaba de lançar o clipe ‘Projeto M’

 

 

Cimara, que além de cantora e compositora, também é professora, é mãe de quatro filhos: um engenheiro e tecladista; um coreógrafo e dançarino; uma filha modelo, atriz e apresentadora de TV; e o mais novo, cantor, compositor, escritor, autor e ator, e o que mais acredita em seu potencial. Ela costuma dizer que a sua maior vitória é poder levar música e alegria ao seu público, já que essa é a razão de continuar a sua trajetória de cantar para poder ter o poder de aumentar a sua vida.

 

TAGS: Encontro de gerações na Estácio reúne Reinaldo, Andreia Caffe e Flávia Saolli  Confira o calendário das finais de samba-enredo do Grupo Especial  UPM: três parcerias inscritas  Anderson Lopes contribui no lançamento do samba-enredo 2019 da União de Jacarepaguá  Horóscopo Carnavalesco  Casaco alongado é o queridinho dos homens Escolas da Série A estão sendo despejadas PPS confirma candidatura ao Senado Ivanir dos Santos  Andressa Gerard se prepara para lançar single  Acadêmicos da Abolição renova com mestre Douglas Jorge  Nasce uma nova escola de samba!  Inscrições das parcerias de sambas concorrentes da UPM  Independentes de Olaria realiza semifinal  Musas do Atlético MG e do Palmeiras são finalistas do Musa do Brasileirão  Viviane Araújo se diverte em festa julina  

 

– Adriana Vieira –
AV Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais

Comentários estão fechados.