Documentários gaúchos thê, 1º Festival online POADOC começa nesta quarta-feira(14)

Doze títulos entre curtas e longas

De 14 a 18 de outubro acontece pela internet a primeira edição do POADOCFestival de Documentários de Porto Alegre. O evento exibirá gratuitamente uma seleção de doze documentários gaúchos, produzidos entre 2000 e 2020. A programação inclui longas e curtas aclamados por público e crítica e filmes escolares com temas ligados à representatividade. O evento – primeiro do gênero realizado na Capital gaúcha – também apresentará lives com os realizadores. A programação poderá ser assistida no site poadoc.com.br.

Gisela de Castro promove live com contação de histórias em homenagem ao Dia das Crianças

 

 

A mostra é dividida em quatro programas que ficarão disponíveis por 24 horas, a partir das 20h até às 20h do dia seguinte. No mesmo horário serão transmitidos os debates virtuais. Cada programa inclui um longa, um curta e um filme escolar. Os filmes de abertura, exibidos de 14 a 15 de outubro, são “Mokoi Tekoá Petei Jeguatá – Duas Aldeias, uma Caminhada” (2008), de Germano Benites, Ariel Ortega e Jorge Morinico, “Antes de Lembrar” (2018), de Vinícius Lopes e Luciana Mazeto, e “Massacre dos Porongos” (2017), produção escolar coletiva.

“Morro do Céu” (2009), de Gustavo Spolidoro, “A Invenção da infância” (2000), de Liliana Sulzbach, e “Contigo Ninguém Acaba” (2018), produzido por estudantes, serão exibidos de 15 a 16. “Cidades Fantasmas” (2017), de Tyrell Spencer, “O Céu da Pandemia” (2020), de Marina Kerber e o coletivo “Dona Bugra, a Periferia Grita” (2018) passam de 16 a 17. Por fim, “O Caso do Homem Errado” (2017), de Camila de Moraes, “Construção” (2020), de Leonardo da Rosa, e o escolar “Respeito às Diferenças” (2017) são os títulos dos dias 17 e 18 de outubro.

Posso contar com vocês? Fábio Montibelo concorrerá a Vereador em São Gonçalo

 

 

“A curadoria teve como foco mostrar a diversidade de olhares. É por isso também que os debates juntam todos os realizadores, sem diferenciar longas, curtas e filmes escolares”, explica a cineasta Thais Fernandes, que divide a curadoria e organização com Henrique Lahude, Jonatas Rubert, Juliana Costa, Livia Pasqual e Natasha Ferla. “A ideia é fomentar um debate horizontal desde a nossa primeira edição”, conclui. O financiamento é do edital da Secretaria de Estado da Cultura, FAC Digital.

 

POADOC – Festival de Documentários de Porto Alegre

O que: Evento Online Gratuito – poadoc.com.br

Quando: De 14 a 18 de outubro

 

Títulos disponíveis por 24 horas, das 20h às 20h do dia seguinte:

 

14 a 15 de outubro: “Mokoi Tekoá Petei Jeguatá – Duas Aldeias, uma Caminhada” (2008), de Germano Benites, Ariel Duarte Ortega e Jorge Ramos Morinico, “Antes de Lembrar” (2018), de Vinícius Lopes e Luciana Mazeto, e “Massacre dos Porongos” (2017) – EMEF Timbaúva (Porto Alegre/RS).

15 a 16 de outubro: “Morro do Céu” (2009), de Gustavo Spolidoro, “A Invenção da Infância” (2000), de Liliana Sulzbach, e “Contigo Ninguém Acaba” (2018) – EMEF Professor João Carlos Von Hohendorff (São Leopoldo/RS);

16 a 17 de outubro: “Cidades Fantasmas” (2017), de Tyrell Spencer, O Céu da Pandemia” (2020), de Marina Kerber, e “Dona Bugra, a Periferia GritaProjeto Cidade Cinematográfica (Três Passos/RS);

17 a 18 de outubro: “O Caso do Homem Errado” (2017), de Camila de Moraes, “Construção” (2020), de Leonardo da Rosa, e “Respeito às Diferenças” (2017) – EMEF Rio Grande do Sul (Guaíba/RS).

 

Debates com os realizadores

As lives acontecem nos dias 15, 16, 17 e 18 de outubro às 20h com representante de cada filme exibido.

 

Nossos canais de comunicação:

Site oficial: poadoc.com.br

Instagram: @poadocfestival

Facebook: /poadocfestival

YouTube: /poadocfestival

 

 

 

 

TAGS: Péricles conta história de amor em novo EP Carioca Maria Marcella Outubro Rosa Flor da Mina do Andaraí apresenta Carnavalescos Juliah lança novo single  “Você vem?” Câncer de Mama  Zumbi dos Palmares Bar do Zeca Pagodinho reabre nesta quinta Horóscopo Alto Astral de 05/10 a 11/10Looks estilosos com chinelo Havaianas Bumbum impecável Samba é da Massa Um Príncipe no elenco da Globo Emanuel Guedes em busca dos seus objetivos A diversidade das flores e plantas Bar Bukowski reabre com pistas exclusivas Do Brasil para o mundo inteiro 13a aminhada em Defesa da Liberdade Religiosa Renda Emergencial da Cultura Estampa Florida está de volta Clara Morais exibe belas curvas Cadastro renda emergencial Lei Aldir Blanc

 

-Isidoro B. Guggiana-

Assessoria de Imprensa

 

 

 

 

Comentários estão fechados.