Deu o que falar! Lista com lideranças negras no twitter ganha engajamento e viraliza nas redes sociais

Movimento negro

Uma provocação postada no Twitter pelo jornalista Rogério Siqueira, gerou uma avalanche de postagens com sugestões de nomes de lideranças negras, nomes consagrados e referências nacionais e internacional. Representativas das comunidades cariocas, do povo mais pobre e que mais precisa do poder público, do movimento negro.

Só temos que agradecer a Deus, Banda Nave De Prata lança versão repaginada de 40 anos atrás!

 

 

Rogério fico surpreso com o desafio em apresentar um quadro com lideranças negras, gerou uma movimentação no seu twitter de 83.154 impressões / engajamentos de 9.668 e 7.030 visualizações detalhadas, desde sua postagem, ontem, dia 23. Não deixa de ser curioso perceber que há uma movimentação em alterar o cenário político atual. Onde os negros são vistos como massa de manobra. Infelizmente, uma prática de todos os partidos.

Rogério é Embaixador do Conselho Pan-Africano para o Brasil, militante, julga necessário mudar urgentemente o tabuleiro das eleições. “Minha intenção foi fazer uma provocação, baseada em um desejo latente que tenho, em ver mais negros e negras na centralidade das decisões neste país e para isso não tem outro caminho que não seja pela eleição de mais negros para mudarmos o quadro de senadores, deputados federais, deputados estaduais e demais cargos eletivos”, sentencia.

A volta por cima! Funkeiro Theus Costa fala sobre vida e carreira

“A grande repercussão que houve, acredito que seja pelo mesmo motivo: negros querem ver mais negros nos mais altos postos de decisão, para se sentirem acolhidos e representados na condução do país. Fiz uma primeira lista com apenas sete nomes contendo presidente da república, vice e alguns ministros e pedi para as pessoas irem completando com a sugestão de nome e o eventual ministério e a experiência foi incrível. Ao fim do dia, fiz uma atualização com a lista final e o resultado do exercício foi um painel com quadros negros ultra-qualificados que foram pensados inclusive para mais de um ministério”, completa Rogério.

Esse exército mostrou com muita facilidade como é possível compor grandes quadros da comunidade negra e que poderiam em um futuro próximo estar ocupando mais espaços de poder e decisão na política. É preciso dar essa opção para população, ofertar um novo horizonte através de novas lideranças. Com quadros políticos orgânicos, que entendam dos problemas do conjuntos geral da população, que tenham lastro e robustez intelectual para enfrentar os desafios que estão postos. Como Sílvio de Almeida, Suelli Carneiro, Conceição Evaristo, Lázaro Ramos, assim como o Dr. Prof. Babalawô Ivanir dos Santos, que inclusive foi o único representante de todo o hemisfério ocidental, reverenciado pelo Departamento de Estado do Governo dos Estados Unidos – com o prêmio International Religious Freedom (IRF), em 2019, pela importância na luta contra a intolerância a praticantes de religiões de matriz africana no Brasil.

Avante, borboleta! Rocinha renova com carnavalesco e anuncia enredo para 2021

Sem dúvida alguma, representações emblemáticas, além de outros quadros acadêmicos, lideranças populares, artistas que poderiam estar unidos em uma frente ampla pela eleição nas próximas eleições. É chegada a hora de garantir governantes que tenham compromisso com o povo brasileiro. É chegada a hora de exigir candidaturas NEGRAS, comprometidas com a população negra, maioria no país.

 

 

Olhe abaixo a relação final até a tarde de hoje, ganhando corpo com as contribuições. É instigante.

 

Silvio Almeida – Presidente ou Vice

Suelli Carneiro- Vice ou Presidente

Joaquim Barbosa – Ministro da Justiça;

Lázaro Ramos – Min. Da Cultura;

Thiago Amparo Advogado-Geral da União; Katiúscia Ribeiro-Ministra da Integração Afrodiaspórica ou Chanceler;

Benedita da Silva – Ministra da Casa Civil;

Ivanir dos Santos – Min. Direitos Humanos ou Min. Da Educação;

Tainá de Paula – Ministra das Cidades;

Nath Finanças Secretaria Nacional de Microcrédito – Banco Central;

Djamila Ribeiro Min. Educação ou Sec. De Assuntos Estratégicos;

Conceição Evaristo – Min. Cultura ou Min. Da Educação

Flavia Oliveira – Min. Da Economia ou Min. Do Desenvolvimento Social;

Maju Coutinho – Pres. Da EBC;

Nilma Lino Gomes – Sec. Geral da Presidência ou Min. Da Educação;

Jaqueline Goes – Min. Da Saúde;

Fred Nicácio – Sec. Executivo(vice-ministro) da Saúde;

Vitor Del Rey Sec. Nacional de Juventude;

Yuri Marçal – Pres. Fundação Cultural Zumbi dos Palmares;

Paulo Paim – Min. Do Trabalho;

Emicida – Sec. Nacional de Cultura Urbana ( MinC);

Marcelo Paixão Pres. Banco Central ou Min. Da Economia;

Jurema Werneck Ministra da Saúde ou Secretaria Nacional de Atenção à Saúde (SAS); Flávio Soares de Barros – Chanceler ou Embaixador junto à União Africana ( AU);

Sonia Guajajara – Casa Civil ou Presidente do Conselho da Amazônia Legal ou Direitos Humano

Ailton Krenak Min. Integração Nacional ou Meio Ambiente ou Educação;

João Paulo Rodrigues – Min. Da Agricultura; Roger Machado – Min. Do Esporte;

Renato Noguera – Min. da Educação ou Min da Igualdade Racial.

 

 

 

 

TAGS: Marcos e Belutti lançam músicas inéditas Regata xadrez chega nesse inverno Marcos e Belutti lançam músicas Lexa doa cestas básicas Horóscopo Alto Astral de 22/06 a 28/06 Negócios em logística Feijoada em Casa do Salgueiro Lives do samba! Kariocagem grava primeiro EP Solidariedade para a saúde mental Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu, Grande Rio 2021 Franja: cabelos cacheados e crespos Rainha de bateria doa alimentos O amor está no ar entre as famosas Latino agita live no YouTube Darlin Ferrattry passa faixa de rainha Karinah divulga com Mumuzinho Lins Imperial terá super ala de passistas

 

-Rozangela Silva-

Assessoria de Imprensa

 

 

 

 

Comentários estão fechados.