Desabafo com amor aflito. “Vivemos momentos difíceis”

À família santacruzense, toda comunidade do samba e autoridades do poder público

Vivemos momentos difíceis!

Somos a Escola de Samba representante do último bairro da linha do trem, ramal Santa Cruz

Desfilamos desde os anos 60 e graças a Deus sempre levando a fé e a torcida de toda nossa região junto conosco. Quantas e quantos amigos se juntaram para dar força e vida aos nossos desfiles. Tantos que trabalham no sustento de suas famílias, geram também um carnaval que nos enche de orgulho todos os anos.

Nesse momento de crise, a ACADÊMICOS vem a público pedir ATENÇÃO das autoridades para o risco eminente que corremos caso nosso contrato com a Prefeitura do Rio de Janeiro não seja assinado nos próximos dias.

Sugerimos que se assine um contrato exatamente igual ao assinado nos últimos 10 anos já aprovado por todos os órgãos de controle da Prefeitura, internos e externos.

Desde JULHO estamos conversando com os órgãos competentes para entender a reformulação que pretendem adotar, sem entretanto chegar a modelo de contrato adequado. Sabemos das boas intenções e da qualidade da equipe que administra o carnaval no setor público, ocorre que NÃO PODEMOS correr o risco de frustar toda a comunidade do samba e nossos turistas. SEM os recursos acordados, não podemos fazer frente às despesas, a tempo e a hora, que nos impõe um desfile majestoso como nos exigem os tempos atuais.

Contamos com uma equipe de primeira qualidade, contratada contando com a subvenção que nada mais é do que o cachê aos milhares de artistas que realizam o maior espetáculo da terra. Com orgulho contamos com MAX LOPES, nosso carnavalesco de fama internacional, o Mago das Cores, o sensacional QUINHO nosso intérprete, nosso novo mestre sala ROGÉRIO DORNELES, suas equipes, todos contratados ESTE ANO se somando a nossa equipe grandiosa que já está conosco ano passado. Será quem gera tanta riqueza para o Rio, não pode receber para pagar aos seus ARTISTAS ? Está em jogo o pouco recurso de artistas. Já não basta cortarem 50% da verba, ainda querem pagar após o carnaval ? Não nos parece justo e correto.

Em respeito a todos os nossos componentes e admiradores, nos sentimos no dever de vir a público reiterar os apelos da LIERJ e ROGAR que se assine contrato exatamente nos moldes dos anos anteriores e que se comece, logo após ao carnaval de 2018 as tratativas para mudanças que se entenderem necessárias aos mandatários da administração municipal.

“FELIZ DAQUELE QUE TEM A SANTA CRUZ NO CORAÇÃO”

 

 

GRES Acadêmicos de Santa Cruz

Comentários estão fechados.