Conheça um pouco da história e da carreira de Mestre Léo Capoeira

Esse cara é muito bom!

Nascido e criado na Cidade do Rio de Janeiro, Leonardo Gouveia, mais conhecido como Mestre Leo Capoeira, teve sua infância cercada de muito samba e influências do Carnaval através do seu pai Ivan. Desde criança, o pai já explicava a função de cada instrumento musical e apresentava ao filho os seus LP´s (discos) de sambas enredos.

Desde cedo, Leo também teve como base os ensinamentos da arte da Capoeira, uma tradição familiar que o acompanha até hoje.

Veja também: RAW – U-God lança seu Livro de Memórias sobre história do Wu-Tang Clan

 

O mesmo foi adquirindo experiências durante a sua vida, até ser convidado pelo presidente da ala de compositores (Beto Mulato), em 1997, para fazer parte da bateria na Escola Lins Imperial. E desde então, começou a sua trajetória, tendo desfilado como ritmista nas Escolas de Samba, Lins Imperial, Arranco, Tradição, Império da Tijuca, Unidos da Tijuca, Unidos de Vila Isabel , Acadêmicos da Grande Rio, entre outras tanto do Grupo de Acesso como do Grupo Especial.

Iniciou como Diretor de Bateria, na função de auxiliar, em 2002, nas Escolas Tradição e Império da Tijuca. Permaneceu na Tradição até 2009 como Diretor, em 2008 na Tijuca, Mocidade Independente de Padre Miguel 2010,2012 e 2013 e na  Acadêmicos do Salgueiro de 2013 a 2017.

 

 

Mestre Léo Capoeira já realizou viagens a trabalho como percussionista para Romênia, Rússia, Itália, França , Alemanha, Suécia, Letônia e cidades do Brasil.

Devido a tantas bagagens e experiências, as oportunidades como Mestre começaram a surgir entre 2010 e 2015, assumiu como Mestre na bateria Explosão de Elite (Tradição), em 2016 e 2017 na bateria da União do Parque Curicica.

Dê uma olhadinha: Tucuruvi anuncia responsáveis por ostentarem o Pavilhão da Agremiação no Carnaval 2019

E no ano de 2018 iniciou os trabalhos como Mestre na Unidos de Bangu, e a frente da bateria do Caldeirão da Zona Oeste, juntamente com seus ritmistas, conquistou três notas 10 e uma 9,9. Para 2019, seu contrato à frente do Caldeirão na Unidos de Bangu já consta como renovado.

Percussionista, Sambista, Capoeirista, filho da Arte, da Cultura e do Folclore Brasileiro, Leonardo, terá sempre como base o amor ao samba e a propagação desta cultura para as novas gerações. Nunca se esquecendo do passado que tanto lhe ajudou para hoje seguir com sua carreira dentro e fora do Carnaval.

 

Assessoria Mestre Léo Capoeira

Comentários estão fechados.