Afrika Bambaataa relança “My Sweet Lord” do ex-Beatle George Harrison para confortar o coração do Planeta

Movimento Hip Hop

“My Sweet Lord”, clássico que se tornou um dos hinos da década de 1970, marcada por guerras, ditaduras e novos estilos musicais, depois de ter participado em versão original do filme “Guardiões da Galáxia – Vol 2” (2017), de James Gunn, agora renasce através das produções de AFRIKA BAMBAATAA…

Bambaataa é cantor, compositor, produtor musical, DJ e ao longo de sua existência como ativista Cultural dedicou sua missão como promotor da Paz através do HIP-HOP.

Juntos pela primeira vez em uma mega parceria, Cariucha e DJ Batata lançam “Mão Boba”

 

 

Durante os anos 1970 Bambaataa contribuiu para a “descriminalização” do seu bairro natal, o Bronx, em Nova York, unindo a dança urbana [Breakdance], os músicos locais [DJ e MC] e a arte plástica das ruas [Graffiti] idealizando o HIP-HOP como Movimento Cultural e desde então nunca mais parou. Nessa mesma época, um ano antes do HIP-HOP, fundou uma organização de ativismo humanitário – a Universal Zulu Nation -, hoje presente em vários países, inclusive no Brasil. Em 1982, sua criação sonora – “Planet Rock” -, além de um clássico do HIP-HOP, se tornou a matéria prima para o surgimento de ritmos eletrônicos como o “Techno” de Detroit; o “Latin Freestyle” da região Metropolitana de Nova York, conhecido no Brasil como “Funk Melody”; o “Miami Bass” de Miami e o próprio “Funk Carioca”. Através da Zulu Nation, promoveu e apoiou shows e eventos para arrecadar fundos para campanhas “Anti-Apartheid” como as libertações de “Nelson Mandela e “Mumia Abu-Jamal”. Em 2001, ao lado das mães de Notorious BIG – a Sra. “Voletta Wallace – e Tupac Shakur” – a Sra. “Afeni Shakur” -, além de outras personalidades do HIP-HOP como “KRS-One”, apresentou diante dos líderes da ONU a “Carta Universal de Paz do HIP-HOP”, documento que chancela o Movimento Cultural HIP-HOP enquanto responsável pela promoção da Paz Mundial, principalmente entre os jovens. Sua visão pacifista de transformar as ruas do Bronx em um espaço descontraído e livre da violência, tornando possível a manifestação das opiniões e da diversão proporcionou sua indicação ao “Prêmio Nobel da Paz” em 2010.

E desde que o “Covid-19” se tornou, até então, um vírus desconhecido pela ciência manifestando-se no início desse ano como uma doença pulmonar grave em centenas de pessoas pelo mundo, tendo a China como seu marco inicial, e sucessivamente Estados Unidos, Taiwan, Tailândia, Japão, Coreia do Sul, Macau, Itália e Brasil, o desejo de Afrika Bambaataa em contribuir para que a Cura venha através do Amor, da Paz e da União dos seres humanos ganhou sentido especial através do remake de “My Sweet Lord”, um clássico dos anos 1970 do ex-Beatle “George Harrison”….

Sinopse! A voz do tempo, Unidos de Padre Miguel define enredo 2021

Composta pelo católico e convertido ao hinduísmo, “My Sweet Lord” se tornou para Harrison a marca registrada na declaração da sua espiritualidade. Nela, abstenções contrastantes do termo judaico-cristão “Aleluia” – que significa “Louve a Deus” – e o termo hindu “Hare Krishna” – que traduz-se na devoção ao Senhor Krishna, e se tornou para AFRIKA BAMBAATAA a canção mais apropriada para a ocasião, enquanto o mundo anseia pela cura…. A nova versão de “My Sweet Lord”, na voz de “BC Netto” está disponível na plataforma “SoundCloud” para todos aqueles que desejarem encontrar inspiração para elevar sua fé a Deus, independentemente à sua opção religiosa…

Acorda HIP-HO!!

 

Wikipédia: Afrika Bambaataa

Wikipédia: George Harrison MBE

 

Clica no play!

 

 

 

 

 

 

TAGS: Horóscopo Alto Astral de 13/04 a 19/04 “Ação Entre Amigos” Arte em tecidos Brincadeiras para seduzir e amar “Quarentena do bem” Moda: camisa social preta e calça cinza Make gratuita! Histórias por Telefone Rose Nóbrega lança música Sambódromo recebe moradores de rua Mão na massa! Botafogo Samba Clube “Unidos Pelo Império” É preto no branco! O que é ser uma “Camgirl” Moda: calça jeans cintura alta e camisa xadrez Site e justificativas da Liesb Dicas de treino durante o isolamento do Coronavírus

 

-DJ Zulu TR –

Colunista / Escritor e Pesquisador da Cultura Black

 

 

 

 

 

Comentários estão fechados.