Acadêmicos do Engenho da Rainha divulga a gravação oficial do samba enredo para o Carnaval 2018

Deixa Falar: O Que É Que Há ! Academia do Samba - Hoje Sou Estácio de Sá

A letra e a melodia sofreram pequenas modificações, em relação ao que foi apresentado na disputa, para se adequar melhor à proposta do enredo e à voz do intérprete oficial Lucas Donato.

O samba foi muito bem recebido pela agremiação e a diretoria já prepara o calendário dos próximos ensaios técnicos de rua e de quadra com os segmentos.

– Nossa escola está se preparando há bastante tempo. Desde que terminou o Carnaval 2017 colocamos a mão na massa. Hoje, a nossa festa maior não permite que fiquemos parados. Acabou um, já estamos no próximo. É assim com as escolas da Sapucaí, e com as que estão na Intendente não pode ser diferente, comentou Vinícius Rangel.

– Exatamente! O Engenho da Rainha é uma escola da Série B que está lutando para voltar a Sapucaí. E sabemos que são estruturas de carnavais bem diferentes. Por isso, temos que aproveitar para fazer um ótimo trabalho, eu diria fazer a lição de casa. Tudo que queremos testar, testamos no grupo de acesso, pois chegando na Marquês não podemos fazer um desfile amador, diz Adriano.

– A comunidade do Engenho é guerreira demais ! A dificuldade é grande. Todos sabemos como é fazer um carnaval na Intendente. Não temos apoio e muito menos condições financeiras, mas temos o maior de todos os patrimônios de uma escola, o seu povo, a sua gente. O nosso pavilhão carrega a alma de nossa comunidade e é com ela que vamos à luta, que vamos pisar o chão e que vamos dar a nossa voz com esse samba maravilhoso, finaliza Lia.

 

Os três formam a Direção de Carnaval da escola, que homenageará a coirmã Estácio de Sá em 2018, com o enredo: Deixa Falar: O Que É Que Há ! Academia do Samba – Hoje Sou Estácio de Sá, de autoria de Guilherme Diniz, Rodrigo Marques e Rogério Rodrigues.

 

 

Confira a letra do samba-enredo GRES Acadêmicos do Engenho da Rainha:

 

SALVE A PRIMEIRA ACADEMIA!

QUE ESTENDE O MANTO VERMELHO E BRANCO NA AVENIDA

E AO DESFILAR CONTA A HISTÓRIA DE UM POVO

QUE DESCE O MORRO PRA CANTAR!

CONTRA O PRECONCEITO, LUTOU PELO DIREITO DE SAMBAR (DEIXA FALAR!)

SEGUE OS PASSOS DE ISMAEL, O MENESTREL QUE CONSAGROU

A ESCOLA DE SAMBA, CELEIRO DE BAMBAS

“JÁ FUI PERSEGUIDO, HOJE SOU PROFESSOR”

 

CHEGOU A HORA, VOU ME ACABAR

BERÇO DO SAMBA, ESTÁCIO DE SÁ

VEJA A BAIANA GIRAR, TÃO LINDO NOSSOS CASAIS

DOCE LEMBRANÇA DOS ANTIGOS CARNAVAIS

 

Ó VIRGEM SANTA, OLHAI POR NÓS!

O SAMBA DA UNIDOS DE SÃO CARLOS

ETERNIZADO EM UMA SÓ VOZ

E O TI-TI-TI, A PAULICÉIA DESVAIRADA À CONQUISTAR

EU FUI PRA RUA E TENDO A LUA COMO PAR

TE FIZ MORADA DENTRO DO MEU CORAÇÃO

É TÃO BONITO VER, A LUZ DO AMANHECER

A ALVORADA ILUMINANDO O TEU PAVILHÃO

“BEM NO COMPASSO, BEM JUNTO AO PASSO”, OH MEU LEÃO.

 

QUANDO EU SOLTAR A MINHA VOZ, ENTENDA

SOU ENGENHO DA RAINHA, AMOR…

É… A ESPERANÇA CONTINUA

HOJE O SAMBA VAI À LUTA PRA MOSTRAR O SEU VALOR

 

 

Clica e ouça o samba-enredo 2018 GRES Acadêmicos do Engenho da Rainha

WhatsApp Audio 2017-11-27 at 11.49.13 PM

 

Comentários estão fechados.