19 de maio: Portela de Asas Abertas homenageará Velhas Guardas das escolas de samba do Rio

Roda de samba e exposição

Além de roda de samba, evento do Departamento Cultural terá exposição sobre a obra do fundador Antônio Caetano, lançamento de livro de Aloisio Villar e feira de empreendedores

A Portela, através do seu Departamento Cultural, vai celebrar a tradição das Velhas Guardas mais tradicionais do Carnaval do Rio no dia 19 de maio (sábado), a partir de 14h, no evento Portela de Asas Abertas. Na ocasião, uma grande roda de samba homenageará bambas da própria Azul e Branco, além de Mangueira, Estácio, Império Serrano e Salgueiro.

Veja também: Fique ligado! Independentes de Olaria divulga sinopse de enredo e data de inscrição de parcerias 

A parte musical será comandada pelo Núcleo de Resistência Cultural Produto do Morro, grupo conhecido por valorizar as composições de nomes como Bide, Marçal, Ismael Silva, Alcides Malandro Histórico, Paulo da Portela, Manacéa, Casquinha, Walter Rosa, Monarco, Candeia, Mano Décio da Viola, Silas de Oliveira, Geraldo Babão, Noel Rosa de Oliveira, Anescar, Noel Rosa, Wilson Baptista, Cartola e Padeirinho, entre outros.

“As escolas de samba são antes de mais nada produtoras de cultura e convivência social, por isso nada é mais simbólico neste universo que as velhas guardas. Nestes tempos em que o samba sofre ataques, nada melhor do que nos voltarmos para as raízes, a essência”

analisa o diretor cultural da Portela, Rogério Rodrigues.

Confira: Rainha de bateria da Vila Isabel, Sabrina Sato, fala da gravidez de risco e revela o sexo do bebê

No mesmo dia, no Centro de Memórias, será inaugurada a exposição “As Artes de Caetano”, um tributo à memória de Antônio Caetano, um dos fundadores da agremiação. A mostra ressalta o aspecto multimídia do baluarte, num tempo em que o termo sequer existia. Com formação acadêmica no Liceu de Artes e Ofícios, ele foi o primeiro carnavalesco das escolas de samba. Além disso, idealizou a águia da bandeira da Portela e integrou a ala de compositores.

Outro destaque será o lançamento do livro “Na Passarela do Teu Coração”, do compositor, dramaturgo e escritor Aloisio Villar.

“Será um prazer muito grande e um grande orgulho participar deste projeto na maior campeã Carnaval”

diz o autor.

Dê uma olhadinha: Unidos de Vila Isabel anuncia enredo que irá apresentar na Sapucaí

A programação inclui, ainda, feira de produtos de empreendedores e barracas de quitutes feitos pelas pastoras da Velha Guarda Show da Portela, com caldos, pastéis e os disputados bolinhos de feijoada.

O Asas Abertas também arrecadará alimentos para uma campanha promovida pelo cantor Lucio Sanfilippo em prol de moradores em situação de rua. O ingresso vai custar R$ 15, no entanto, sairá a R$ 10 para quem levar um quilo de alimento não perecível (arroz, feijão, macarrão, óleo de soja, café e leite em pó, por exemplo).

 

 

Serviço:

Portela de Asas Abertas

Atrações: Roda de samba com Núcleo de Resistência Cultural Produto do Morro e galerias das Velhas Guardas da Portela, Mangueira, Estácio, Salgueiro e Império Serrano. E mais: exposição “As Artes de Caetano”, feira de empreendedores e barracas com quitutes

 

Local: Quadra da Portela

Endereço: Rua Clara Nunes 81, Madureira

Data: 19 de maio (sábado)

Horário: A partir de 14h

Ingresso: R$ 15 (preço único)

Ingresso social: R$ 10 + um item não perecível da cesta básica

Torcidas organizadas (uniformizadas): R$ 5

Sócios estatutários e sócios-torcedores não pagam

Classificação etária: Livre

Informações: (21) 3256-9411

 

TAGS: Mancha Verde apresenta logomarca  Horóscopo Carnavalesco  Conheça a sinopse e logo GRES Feitiço do Rio  Sua mãe é uma joia  Arame de Ricardo faz semifinal  Gaviões da Fiel reedita samba de 1994

Comentários estão fechados.